Demonstrações Financeiras Consolidadas

Definição

As Demonstrações Financeiras Consolidadas são o agrupamento das demonstrações financeiras da entidade controladora (mãe) com as demonstrações financeiras separadas das subsidiárias a serem apresentadas como uma única entidade econômica.

Principais Termos para a Avaliação da Elaboração das Demonstrações Financeiras Consolidadas

Controle

De acordo com as NIIF (Normas Internacionais de Informação Financeira) 10, as “Demonstrações Financeiras Consolidadas”, uma entidade controla quando tem poder sobre outras entidades, tem direitos a retornos variáveis, e a capacidade de influenciar em retornos através de seu poder sobre eles.

Procuração

Uma entidade (matriz) tem poder sobre uma ou mais entidades quando tem direitos que lhe dão a capacidade presente de dirigir as atividades relevantes, ou seja, as atividades que afetam significativamente os retornos de uma ou mais entidades (subsidiárias).

Subsidiárias

São entidades controladas por outra.

Quando uma entidade deve consolidar suas demonstrações financeiras com as entidades que esta controla?

Se uma entidade prepara suas demonstrações financeiras em conformidade com as NIIF, emitidas pelo International Accounting Standards Board ou Conselho de Normas Internacionais de Contabilidade (IASB), e tem controle e poder sobre uma ou mais entidades, exigindo a consolidação das demonstrações financeiras em conformidade com as NIIF N°. 10 “Demonstrações Financeiras Consolidadas”.

É possível que uma Empresa-Mãe não consolide suas Demonstrações Financeiras com uma ou mais entidades?

De acordo com a IFRS 10, uma entidade controladora não precisa consolidar suas demonstrações financeiras consolidadas se atender a todas as condições a seguir:

  • A empresa-mãe informou, sem objeção, que as subsidiárias e outros proprietários (sem direito a voto) não apresentarão Demonstrações Financeiras Consolidadas.
  • Seus instrumentos de dívida ou de capital não são negociados em um mercado público, seja em uma bolsa de valores local ou estrangeira.
  • Ela não apresenta suas demonstrações financeiras a uma organização reguladora, nem no processo.
  • Sua empresa-mãe final prepara demonstrações financeiras consolidadas.

Considerações na elaboração das Demonstrações Financeiras Consolidadas

  • As demonstrações financeiras consolidadas devem ter a mesma estrutura contábil.
  • A entidade controladora deve apresentar participações não-controladoras na demonstração consolidada da posição financeira, dentro do patrimônio líquido, separadamente do patrimônio líquido dos proprietários da entidade controladora.
  • Partes similares de ativos, passivos, patrimônio líquido, receitas e despesas são combinadas.
  • O valor do investimento da empresa-mãe em cada subsidiária e a participação da primeira no patrimônio líquido de cada subsidiária são compensados (eliminados).
  • Ativos, passivos, patrimônio líquido, receitas, despesas e fluxos de caixa intragrupo relacionados a transações entre entidades do grupo são eliminados em sua totalidade.

Qual é a vantagem de preparar e apresentar Demonstrações Financeiras Consolidadas?

Quando uma entidade controladora (mãe) cumpre com todas as NIIF e consolida suas demonstrações financeiras com uma ou mais entidades nas quais mantém controle e poder, esta permitirá em um único conjunto de demonstrações financeiras, informar os proprietários e outros usuários sobre a situação econômica e o desempenho do Grupo.
Da mesma forma, ter demonstrações financeiras consolidadas permitirá ao Grupo participar de processos de licitação com entidades privadas e estatais. Também ajudará ao Grupo a obter novos financiamentos de entidades bancárias.

Recomendamos nossa empresa parceira VAG Global se você tiver alguma dúvida sobre

COMPILAÇÃO DE DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS

Como podemos ajudá-lo?

    Para entrar em contato conosco, você deve preencher o seguinte formulário